colagem

Criação de composições poéticas e gráficas inspiradas na obra de Hilda Hilst.

Arte educadora: Ana Paula Anderson

 

silêncio para sorver pessoas

A taurina Ana Paula Anderson, em franco inferno astral, arte educadora da oficina de Colagem, teve a chance de receber no sopetão desta quarta feira, 17 de maio, alguns alunos do EJA, um projeto de alfabetização para Jovens e Adultos da Secretaria da Educação.

Chegaram na Biblioteca Monteiro Lobato, em São Bernardo do Campo, senhoras e senhores únicos.

Nada mais teve tanto valor.

Todos arrebatados.

Os vidros novos daquela biblioteca.

Transparência quando dá deixa mesmo a gente olhar e ver, enquanto aprende fazer mais silêncio.

:”)

Fotos: Ana Paula Anderson

 

08 de março

Quem esteve no Instituto Criar neste 08 de março, dia das mulheres, ouviu Ana Paula Anderson falar sobre Hilda Hilst, adaptações literárias e convidar a fazer colagens.

Hilda nunca vista antes,

não refém do caos,

mais pra agente

faz assim com a cabeça

e todos parecem querer mais,

cumprir menos,

transcender.

um passo por vez

e foram dados vários

como podemos conferir nestes fragmentos ouvidos a este respeito:

“uma menina pediu para levar uns poemas da hilda pq gostou muito”

“um menino ficou admirando a colagem que ele fez dizendo: primeira vez q eu faço algo q eu gostei”

“e outras querem voltar outro dia para fazer mais”

Foi assim a inauguração da série de oficinas audiovisuais que vão até o fim de Março:

Fotos de Martín Avaro.

mais fotos